Nas últimas décadas, o mundo vem tentando utilizar novas fontes energéticas para substituir o uso de combustíveis fósseis e nesse sentido, o nosso país tem um grande destaque. Veja o ranking das energias limpas no Brasil.

O que são energias limpas?

Essas energias utilizam fontes naturais, renováveis e que não causam tanto impacto ambiental como as fontes que são finitas e esgotáveis.

Por utilizarem fontes da natureza, os recursos se renovam a cada dia, fazendo dessas energias boas opções para a utilização ao invés do petróleo que é uma fonte esgotável.

Preencha os dados abaixo que respondemos na próxima live e lhe avisaremos por email.

As energias renováveis, também chamadas de verdes, são:

  • Eólica – energia dos ventos
  • Hídrica – obtida com as águas dos rios
  • Biomassa – obtenção através de matéria orgânica
  • Oceânica – energia vinda das forças das ondas e marés
  • Geotérmica – utiliza o calor do interior da Terra para gerar energia
  • Solar – Usa o Sol para obter energia

O que são energias não renováveis?

São todas aquelas que utilizam recursos que vão se esgotar algum dia e que também poluem o meio ambiente.

Elas são utilizadas há mais tempo do que as energias limpas, mas são mais caras e deixam os valores da conta de luz mais elevados. 

 queima de combustíveis fósseis pelas industrias
A queima de combustíveis fósseis libera gases poluentes na atmosfera

Quando alguma forte estiagem atinge o Brasil, é comum que o governo ative as usinas termelétricas, aumentando o valor da conta de luz.

Podemos citar o petróleo, gás natural, carvão mineral e a energia nuclear como energias não renováveis. 

A matriz hidrelétrica do Brasil

A matriz energética é a união de todas as fontes que um país utiliza para a produção de energia.

Nessa contagem entram as fontes limpas e também as não renováveis. Quanto maior for a utilização das fontes verdes, menor vai ser a poluição no país.

E a matriz energética brasileira é muito verde e sustentável. Quase 60% de tudo que é produzido, é obtido através da energia hídrica.

Mapa do Brasil
O Brasil é uma das nações que mais utilizam energias limpas

A segunda principal fonte de energia é a eólica com 11% do total. A biomassa e a solar apresentam, respectivamente, 8% e 2,5% do total da produção energética nacional.

Energia nuclear, gás natural, carvão mineral, petróleo e combustíveis fósseis, que são fontes não renováveis, são pouco mais de 15% de toda a energia que o Brasil produz.

Esses números foram obtidos através de um levantamento da Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL), junto com a Associação Brasileira de Energia Solar Fotovoltaica (ABSOLAR). 

Veja agora o Ranking das energias limpas no Brasil em ordem de utilização.

Hídrica – 109.379 MW (57,3%)

O Brasil tem muitos rios com elevado potencial energético, o que faz com que a energia vinda das águas seja a mais utilizada para a geração de eletricidade no país, com quase 60% do total.

Uma das formas de obtenção de energia através das águas é utilizando usinas hidrelétricas. E  a mais famosa do Brasil fica localizada no Sul do país, em Foz do Iguaçu, Paraná.

A usina de Itaipu
A usina de Itaipu é umas principais produtoras de energia do Brasil

Desde o início da operação da usina de Itaipu, em 1984, ela já produziu 2,8 milhões de gigawatts hora e a melhor marca anual foi registrada em 2016. Foram 103.098 Gwh em 12 meses.

Itaipu fornece energia tanto para o Brasil como para o Paraguai. Ela é responsável pela geração de 8,4% de toda a eletricidade que o nosso país consome. 

Já do lado paraguaio, ela representa 85,6% de tudo que os nossos vizinhos consomem.

Para a geração de energia através da água, é utilizado o movimento e a força do líquido para gerar a eletricidade. 

Eólica – 21.474 MW (11,3%)

Na segunda posição está a energia vinda através dos ventos, a eólica, com 11,3% do total.

Como ela utiliza os ventos, é uma energia limpa que não emite gases poluentes e não causa impactos ambientais, como os combustíveis fósseis. 

 energia eólica
A energia eólica apesar de nova, já representa uma parcela da produção energética nacional

E em relação ao custo, ela é vantajosa, pois é mais barata do que uma usina hidrelétrica. 

A energia eólica é relativamente nova no Brasil. A primeira turbina instalada em terras brasileiras foi em 1992, no Arquipélago de Fernando de Noronha.

Atualmente já são quase 800 usinas eólicas em atividade no Brasil.

Biomassa – 15.793 MW (8,3%)

A medalha de bronze das energias limpas no Brasil fica com a biomassa, com um pouco mais de 8% de tudo que é produzido por aqui.

A biomassa utiliza recursos orgânicos para a sua produção. Para a obtenção dessa massa podem ser utilizados os seguintes materiais.

  • Diferentes tipos de madeiras
  • Partes de vegetais (folhas, sementes, raízes)
  • Resíduos orgânicos de origem industrial e doméstica

Apesar da queima da biomassa gerar gases poluentes, eles são menos nocivos do que a queima de combustíveis fósseis.

Além de gerar energia, a biomassa também é utilizada para a  geração de combustíveis. Podemos citar os seguintes:

  • Biodiesel
  • Etanol
  • Biogás
  • Metanol
  • Biometanol

Solar – 4.735 MW (2,5%)

Uma das energias mais limpas e com grande potencial de crescimento é a solar, que utiliza o Sol para gerar eletricidade.

Placas solares
A energia solar ajuda a cuidar do planeta e também a reduzir o custo da conta de luz

Durante boa parte do ano, a incidência solar é forte no Brasil, o que faz com que a  energia solar seja uma ótima alternativa para a produção de eletricidade.

Inclusive é uma forma de investimento, uma vez que é possível instalar painéis fotovoltaicos em casas e empresas, fazendo o preço da conta de luz zerar, em muitos casos. 

Troque o custo da conta de luz pelo seu melhor investimento!

Temos uma linha de financiamento inovadora que te permite investir em um sistema de energia solar sem gastar nada a mais.

  • Retorno: Ganhe com economia imediata na sua conta de luz e com mais de 20 anos de geração de energia grátis após o período de investimento.
  • Custo Zero: Invista em um sistema de energia solar sem nenhum desembolso e com até 6 meses de carência.
  • Sustentável: Gere sua própria energia limpa e renovável, além de contribuir com a geração de empregos na sua região.
  • Confiável: Fazemos parcerias com instaladores cuidadosamente selecionados para executar o seu projeto.
  • Segurança: Validamos o seu projeto junto ao instalador e sua concessionária.
  • Assistência: Monitoramos em tempo real a produção do seu sistema para garantir que você tenha economia na conta de luz.

Veja um story resumido do post!

Posts Similares

Estórias Solares