Na hora de construir ou reformar um imóvel residencial, é inevitável o questionamento de qual o melhor tipo de telhado. Antes de escolher, é preciso analisar quais as necessidades a serem supridas considerando o clima local, estrutura, durabilidade… Por isso, listamos alguns tipos de cobertura residencial para facilitar a sua decisão!

Construções residenciais com telhados diferentes

Modelo de telhado residencial mais utilizado

Ao abordar o assunto em questão, é ideal avaliar os pontos positivos e negativos de cada tipo de telhado para considerar a sua instalação no imóvel. Com isso, seguem os tipos mais utilizados pelos brasileiros em construções residenciais:

Telhado de cerâmica

Construção com telhado de cerâmica

Ponto positivo: Considerado como o tipo mais utilizado em imóveis residenciais, o telhado de cerâmica é uma boa opção de custo e benefício. Composto por barro, motivo pelo qual possui como vantagem o isolamento térmico, além da facilidade na limpeza e alta durabilidade.

Ponto negativo: A construção precisa ter uma estrutura resistente em razão do peso da telha. Assim, caso não possuir uma boa estrutura, a condição de custo e benefício deixa a desejar, pois será preciso o uso de base reforçada. Além disso, é necessária a sua manutenção frequente.

Telhado de concreto

Construção com telhado de concreto

Ponto positivo: Ainda novidade no mercado de construções, o telhado de concreto proporciona uma estética mais contemporânea ao imóvel. Composto por cimento, água e areia, garante alta durabilidade e controle de temperatura do local. Além disso, conta com variedade de cores e possibilidade de uso em inclinações mais acentuadas.

Ponto negativo: Considerando o seu peso superior ao telhado de cerâmica, é preciso analisar a estrutura do local. Com isso, caso não possua suporte para tal material, uma base ainda mais reforçada é indispensável. Outrossim, a porosidade do material exige frequente manutenção.

Telhado de fibrocimento

Construções residenciais com telhados diferentes

Ponto positivo: Sendo o substituto das populares telhas de Amianto, o telhado de fibrocimento é leve, resistente e com custo menor do que as telhas mencionadas acima. Garantindo um isolamento térmico, sua composição não exige reforço na estrutura do imóvel.

Ponto negativo: não há variedade de cores e, também, absorve uma grande porcentagem de calor externo ao ambiente. Com isso, é preciso investir em forro ou laje para evitar altas temperaturas no local. Ainda, necessita de atenção redobrada na sua fixação para evitar problemas com chuvas e ventos.

Telhado de PVC

Construção com telhado de pvc

Ponto positivo: esse tipo é enquadrado na categoria de telha leve e resistente, além da possibilidade de encontrar o material em diversas cores e formatos. Inspirada na estética da telha de cerâmica, não há necessidade de reforço na estrutura para sua instalação e oferece isolamento acústico/térmico.

Ponto negativo: em razão do isolamento térmico, pode aquecer o ambiente além do desejado pelos moradores, gerando insatisfação ao optar pela telha. Além disso, sua durabilidade é reduzida ao ser comparado com os outros telhados, principalmente o de cerâmica.

Construções residenciais com telhados diferentes para decidir qual o melhor tipo de telhado residencial.

Afinal, qual telhado residencial é ideal?

Depende, é preciso realizar um levantamento de informações da construção. Você vai construir ou reformar o imóvel? Quais são as prioridades do local? Qual o clima da cidade? Quanto de orçamento deve ser despendido para isso? O telhado deve valorizar a estética do imóvel? Quanto é suportado pela estrutura da construção? Por isso, é imprescindível que seja estudado eventuais hipóteses para a tomada de decisão.

Desse modo, o questionamento de “qual o melhor tipo de telhado residencial?” deve ser respondido por quem irá realizar a construção/reforma. Existem diversos tipos de cobertura residencial e, com o auxílio de profissional qualificado, poderá ser executado o projeto caso concordem.

Energia Solar em sua Casa com Solfácil

Nós temos uma linha de financiamento revolucionária que permite que você troque o custo da sua conta de luz por um ótimo investimento em sistema de energia solar.

É isso mesmo! Temos uma rede de parceiros instaladores em todos os estados do Brasil que executam o projeto de energia solar em sua residência e você paga em até 144 parcelas com juros acessíveis. Tão acessíveis que a prestação mensal fica até 30% inferior à economia de energia que você tem com o sistema.

Story referente ao post

Posts Similares

Estórias Solares