Mesmo que muitas pessoas não saibam disso, a energia fotovoltaica no Brasil é bastante importante. Na verdade, esta é uma fonte renovável e que vem apresentando grande crescimento ao longo dos últimos anos.

Não à toa, os investimentos, tanto públicos quanto privados, aumentam constantemente, vendo aqui uma oportunidade de ouro de sustentabilidade e economia.

Ainda assim, é preciso destacar que esta não é a principal fonte de eletricidade do país, posto que pertence às usinas hidrelétricas. As placas fotovoltaicas, mesmo que com considerável crescimento, ainda estão bastante atrás da líder. Mas inúmeros são os fatores que motivam este cenário, passando da tecnologia às características geográficas do país.

O que é energia fotovoltaica no Brasil?

Antes de qualquer outro detalhe, se faz necessário destinar um tempo para entender a que se refere a energia fotovoltaica. No Brasil, esta é uma tecnologia que ainda tenta convencer os consumidores, algo que ocorre cada vez mais naturalmente. Basicamente, portanto, pode-se defini-la como uma solução que visa gerar eletricidade por meio de placas fotovoltaicas.

o que é energia solar

Estes equipamentos, também conhecidos como painéis, trabalham com células fotovoltaicas, as quais transformam a radiação solar em energia elétrica. Com isso, se apresentam como uma fonte sustentável e renovável. Mais do que isso, podem ser instaladas nas próprias propriedades, representando uma certa independência de seus usuários.

Com tantas vantagens, pode parecer estranho o fato de o país não ter nesta solução sua principal fonte de eletricidade. O grande empecilho para isso, atualmente, se encontra no alto custo inicial do investimento. Com isso, as poucas pessoas que já aderiram à tecnologia recorreram a financiamentos para instalar suas placas em casa. A perspectiva para o futuro, entretanto, é bastante diferente.

Realidade da energia fotovoltaica no Brasil

Como explicado mais acima, a energia fotovoltaica não é a principal fonte de eletricidade do Brasil. De acordo com o Balanço Energético Nacional, divulgado em 2020 pela EPE — Empresa de Pesquisa Energética —, a realidade é bem distante disso. Segundo o relatório, que considera dados de 2019, a matriz energética brasileira era formada nesta época por:

  • Hidráulica: 66,6%
  • Gás natural: 8,6%
  • Biomassa: 8,5%
  • Eólica: 7,6%
  • Carvão e derivados: 3,7%
  • Nuclear: 2,5%
  • Petróleo e derivados: 1,9%
  • Solar: 0,54%
usina hidreletrica

Analisando os números, fica evidente que, há três anos, a situação da energia solar não era das melhores. Basicamente, sua utilização era mínima, sendo apenas a oitava fonte de eletricidade doméstica. Felizmente, o cenário foi mudando ao longo dos últimos anos até chegar à situação atual, em que os painéis fotovoltaicos já respondem por mais de 2% dessa total.

Evolução da energia fotovoltaica no Brasil

Ao verificar mais profundamente o mercado, é fácil notar a evolução que a energia solar apresentou. Principalmente nos últimos anos, os investimentos direcionados a essa fonte cresceram consideravelmente, possibilitando que sua participação crescesse.

Somente de 2021 para 2022, o aumento esperado é de cerca de 100%, passando dos 13GW vistos em dezembro para 25GW ao fim deste ano. Para isso, aproximadamente 50 bilhões de reais em investimento são esperados pela Associação Brasileira de Energia Solar — ABSOLAR.

energia fotovoltaica no brasil

Toda essa evolução pode ser analisada em outros fatores também, como a geração de empregos no setor e a quantidade de usuários. A estimativa para esse ano é que sejam geradas 350 mil vagas, mais do que o dobro do que foi visto em 2021 e quase 3 vezes o resultado de 2020.

No que diz respeito aos consumidores, o país conta hoje com mais de 1 milhão de usuários com geração própria. Todos esses são dados somente vem a comprovar o desenvolvimento do Brasil neste tema.

O futuro da energia solar brasileira

Os números verificados no parágrafo acima são excelentes, não apenas para atestar a capacidade do país em gerar sua eletricidade por meio da radiação solar. Na realidade, eles podem ser utilizados para entender o que o futuro aguarda no que diz respeito à matriz energética. Sim, a esperança é que tal evolução continue, de modo a ganhar representatividade e importância dentro do cenário nacional.

futuro fontes renovaveis

Segundo a Agência Internacional de Energia — IEA —, a energia fotovoltaica será responsável por 30% do consumo global em 2022. No Brasil, a esperança é que a situação se repita, mas com números mais modestos. A longo prazo, porém, o país apresenta todas as características necessárias para alcançar tal feito. Para tanto, é preciso haver políticas públicas que auxiliem o mercado, maior interesse da população e uma significativa queda dos valores praticados.

Como investir na energia solar?

Com certeza, após ler os parágrafos acima, você se pegou pensando sobre a viabilidade de instalar painéis solares em sua casa. De fato, esta é uma situação que se encaixa na vida de inúmeras pessoas. Além de ser mais sustentável e apresentar maior independência, esta é também uma alternativa muito mais econômica. Por que, então, não investir na energia fotovoltaica no Brasil?

energia fotovoltaica no brasil

O principal motivo para que poucas pessoas realmente tirem tal planejamento do papel está no preço. Tanto a aquisição quanto a instalação das placas apresenta um custo ainda alto, principalmente se comparado à renda média do brasileiro. Dessa forma, este acaba sendo o principal entrave entre a vontade e a aplicação do conceito na rotina de milhões de indivíduos.

Felizmente, há maneiras interessantes de realizar este sonho sem se endividar ou afetar suas finanças. Existem inúmeras possibilidades de financiamento, as quais atendem perfeitamente às necessidades de todos os tipos de consumidor. Outra boa notícia é que este é um sistema que apresenta grande durabilidade, tendo vida útil superior aos 25 anos. Com isso, este é um investimento que com certeza se pagará sozinho ao longo de sua utilização.

Conheça a SolFácil

Fique por dentro de como funciona o financiamento de energia solar no Brasil, e como esse modelo pode ser benéfico em sua residência ou empreendimento.

E pensando em facilitar a vida dos nossos clientes a Solfácil oferece hoje os melhores prazos e valores de financiamento do mercado.

Entre em nosso site e faça a sua simulação de financiamento de energia solar sem entrada no site da SolFácil de forma simples e rápida.

Temos uma linha de financiamento inovadora que te permite investir em um sistema de energia solar sem gastar nada a mais.

Posts Similares

Estórias Solares