O telhado é uma das partes mais importantes de uma edificação, já que a proteção de móveis, equipamentos, objetos e pessoas se dá por conta dele. Sendo assim, se tem uma estrutura que de fato não pode ser negligenciada, essa estrutura é o telhado.

Confira no artigo a seguir quais os tipos de cobertura para galpão industrial e como fazer uma boa base para ele. Boa leitura!  

Telhas metálicas como principal opção

Para entender como fazer uma cobertura de qualidade para o seu galpão, é necessário entender primeiro quais são os tipos de telhas disponíveis no mercado e as melhores opções entre eles, uma vez que há uma grande variedade. 

As telhas metálicas são as mais usadas na construção de telhado de galpão
As telhas metálicas são as mais usadas na construção de galpão

O telhado é responsável pela proteção de toda a estrutura do galpão, das mercadorias armazenadas no seu interior e das atividades executadas dentro dele. Portanto, é uma das partes mais importantes, sobretudo desse tipo de construção.

Nada mais justo que envolva um bom investimento e priorize a escolha de materiais de qualidade, de modo que possa cumprir o seu propósito. 

A escolha do material que constituirá o telhado é essencial para garantir sua durabilidade e a proteção do interior da obra, já que a qualidade do equipamento utilizado influencia diretamente no resultado final. 

Concreto, cerâmica, fibra vegetal, fibrocimento, policarbonato, PVC, PET… há uma infinidade de tipos de telhas disponíveis no mercado. Mas se tratando da cobertura de galpões, a telha metálica é uma das mais procuradas e também um modelo muito recomendado pela construção civil. 

Os telhados que são construídos usando telhas metálicas têm melhores condições de oferecer maior durabilidade, consequentemente não demandando tanta manutenção como telhas de outros tipos.

Outra grande vantagem a seu favor é que esse modelo também pode ser fabricado com isolamento termoacústico, que garante a proteção ideal para os produtos armazenados no local. 

As telhas metálicas são as mais usadas para construir galpões industriais no Brasil, e representam um excelente investimento por serem a opção mais resistente do mercado, e por isso são muito bem aceitas pelo setor da construção civil.

Além disso, são estruturas práticas e de fácil montagem e transporte, contando com uma forma de medição extremamente precisa, já que são fabricadas sob medida. 

As telhas metálicas também são leves e flexíveis ao mesmo tempo, possuem ótimo grau de impermeabilização, isolamento térmico e acústico, e são anti-inflamáveis. Podem resistir por até 70 anos, dependendo das condições climáticas do local onde forem instaladas. 

Outras opções de estrutura para telhado de galpão

As telhas metálicas são as que oferecem o melhor custo-benefício, mas não são a única opção. Além delas, também é possível investir em telhas transparentes e de fibrocimento, entre outras opções. 

Há várias opões de materiais para se usar na construção de um galpão e do telhado
Há várias opões de materiais para se usar na construção de um galpão

Indicadas para espaços que precisam de maior iluminação, as telhas transparentes (também chamadas de telhas de claridade) podem ser feitas de materiais diversos, como fibra de vidro, resina de poliéster (com filtro U.V.), policarbonato e PVC. Ao optar por esse tipo de telha, você garante claridade em galpões que precisam de iluminação natural. 

As telhas de fibrocimento também são boas opções, fabricadas com fibra sintética e cimento. Antigamente, eram feitas com amianto, um material prejudicial à saúde, mas elas passaram por uma série de reformulações ao longo do tempo.

No entanto, ainda têm alguns pontos negativos, pois não garantem um acabamento visual satisfatório, e absorvem muito calor. Além disso, possuem vida útil muito inferior às de telhas metálicas, e necessitam de maior manutenção.  

O melhor tipo de telha para cobertura de um galpão depende das necessidades de cada empreendedor e indústria. De forma geral, as telhas metálicas termoacústicas são as mais indicadas, principalmente por serem uma opção muito resistente, capaz de garantir um espaço confortável, sem ruídos e com temperaturas agradáveis no interior do galpão

Continue a leitura para saber mais detalhes sobre a construção do telhado de galpões, como fazê-lo e quais cuidados precisa ter. 

Como fazer a base de um galpão?

Para fazer o telhado de um galpão, é necessário antes construir uma base feita a partir de uma estrutura metálica, que servirá como a cobertura da estrutura. 

Comece consultando o código de obras para avaliar quais são as regras e permissões para construção no espaço desejado. O ideal é contratar uma empresa de construção civil especializada na construção de galpões industriais, de modo a garantir que todas as suas expectativas sejam atendidas. 

Em seguida, é hora de elaborar o projeto. Esse passo é importante para que a sua obra saia conforme as necessidades do seu negócio. Para isso, faça um projeto com todas as exigências e detalhes possíveis. Quanto mais completo o projeto, menos imprevistos você provavelmente terá pelo caminho. 

Na próxima etapa, é a hora de nivelar o chão, o que vai garantir a qualidade e segurança à estrutura que será construída. A área a ser trabalhada deve seguir as especificações de segurança que as normas técnicas exigem, como a NBR 13133.

Entenda passo a passo, a construção da base de um galpão
Entenda passo a passo, a construção da base de um galpão

Posteriormente à nivelação do terreno, é hora de instalar as vigas. As estruturas feitas com vigas metálicas são perfeitas para dar mais resistência à obra. E assim está pronta a base estrutural para o seu galpão industrial.

O preço médio do metro quadrado de um galpão custa em torno de R$ 1.000. Se tratando das telhas para o telhado, a unidade custa entre R$ 40 a R$ 150, a depender do modelo escolhido. 

Quais são os cuidados com o telhado do galpão?

Além de escolher o modelo e o material da telha que vai compor o telhado do seu galpão, é também muito importante atentar para alguns outros pontos essenciais, como os cuidados necessários para garantir sua durabilidade.  

A inclinação do telhado é um importante aspecto a ser considerado, pois a escolha da telha deve ser feita a partir disso. Cada modelo de telha conta com informações referentes aos ângulos que suporta.

Caso seja escolhido um tipo de telha que não tenha a inclinação indicada pelo responsável pela sua obra, há maiores chances de haver danos por conta do vento, água e altas temperaturas.

Também é fundamental se certificar que o tipo de telha escolhido se encaixe no formato do telhado, bem como ao estilo da construção como um todo. O produto precisa estar homologado pela Associação Brasileira de Normas Técnicas (ABNT), segundo as normas vigentes durante a construção.

Como a Solfácil pode lhe auxiliar

Desde 2018 a Solfácil já levou energia solar para mais de 26 mil projetos solares instalados em residências, empresas e áreas rurais. Ao integrar a solução de financiamento com parceiros estratégicos e know-how para projetos e homologações, criamos um ambiente favorável para implementação da energia solar, seja por parte do consumidor ou por parte do integrador. Quer saber mais? Defina seu interesse:

Posts Similares

Estórias Solares