Foi aprovada no último dia (21) uma metodologia provisória para o cálculo de constrained-off por restrição elétrica de usina de geração solar fotovoltaica pela Agência Nacional de Energia Elétrica (ANEEL).

A restrição de operação por constrained-off consiste na redução temporária da produção de energia em usinas eólicas ativas, por razões originadas no exterior de suas instalações.

A metodologia atribuída ao abatimento de eventuais ressarcimentos de contratos regulados complementa o Despacho ANEEL 1.407, de 24 de maio de 2022, que reconheceu o direito para as situações de constrained-off em usinas solares.

O cálculo irá utilizar a potência instalada da usina ajustada ao montante da garantia física negociada no Ambiente de Contratação Regulada (ACR), multiplicada pelo tempo de restrição e subtraída de eventual geração da usina no período.


Confira a Live de MKT Digital para o Integrador


Conforme a decisão, o procedimento deverá ser posto de forma provisória até definição da metodologia definitiva no âmbito da atividade 40 da Agenda Regulatória da ANEEL para o biênio 2022-2023.

Como a Solfácil pode lhe auxiliaR

Desde 2018 a Solfácil já levou energia solar para mais de 26 mil projetos solares instalados em residências, empresas e áreas rurais. Ao integrar a solução de financiamento com parceiros estratégicos e know-how para projetos e homologações, criamos um ambiente favorável para implementação da energia solar, seja por parte do consumidor ou por parte do integrador. Quer saber mais? Defina seu interesse:

Confira aqui o story do post!

Posts Similares

Estórias Solares