A ascensão da energia solar fez com que muitas famílias buscassem formas de financiar e investir no projeto para economizar energia no fim do mês. Mas será que a energia solar compensa em 2022, ou o melhor ano para o investimento foi 2021?

De acordo com dados publicados no final do ano passado, desde 2020 a instalação de geração distribuída cresceu mais de 200% apenas no Brasil, somando hoje mais de 300 mil residências e empresas com o sistema fotovoltaico. Isso graças aos benefícios, especialmente econômicos, já que a energia solar promete uma economia de aproximadamente 95% do valor da conta de luz no final do mês.

Para que você entenda mais sobre o cenário da energia solar no Brasil e se compensa investir em 2022, separamos um post com todas as informações necessárias do assunto. Confira!

Energia Solar compensa em 2022?

Um dos motivos que faz com que seja vantajoso optar pelo sistema de energia solar ainda em 2022 é a alta no valor do kWh devido a inflação energética. De acordo com dados da Aneel – Agência Nacional de Energia Elétrica -, a estimativa é que em 2022 o aumento da energia elétrica seja de pelo menos 21%. Isso quer dizer que as contas de luz que antes eram de R$230, por exemplo, este ano ficarão em torno de R$280, aproximadamente R$50 mais caro.

a estimativa é que somente em 2022, a conta de luz sofra um aumento de 21%
A estimativa é que somente em 2022, a conta de luz sofra um aumento de 21%

Como o sistema de energia solar gera uma economia de até 95% do valor da conta de luz, com esse aumento previsto, uma família de 4 pessoas que investir em um sistema solar que produz os mesmos kWh gastos no mês poderá economizar pelo menos R$230, o mesmo valor da conta de luz antes do aumento.

O investimento vale a pena?

Muitas pessoas ainda acreditam que o investimento em energia solar é muito alto e não vale a pena, mas na maioria dos casos, essa afirmação é equivocada. Vamos usar nosso exemplo acima: uma família que tem uma despesa de R$230 em energia elétrica gasta, em  média, 250 kWh. Um sistema de energia que gera essa quantidade de kWh tem um valor de investimento de aproximadamente R$15 mil.

Ignorando o aumento de 21% na conta de luz, a economia com energia solar desta família seria de R$180 por mês, gerando uma economia anual de R$2.160. O payback deste caso seria de 7 anos, restando cerca de 18 anos de lucro, já que as placas solares duram em média 25-30 anos.

Ou seja, mais de R$38 mil de lucro apenas em energia solar, o equivalente a mais de 100% do valor investido.

Se levarmos em conta a alta na energia solar nesse mesmo caso, com o sistema fotovoltaico a economia seria de R$230, o que equivale a R$2.760 por ano. O payback então cairá para menos de 6 anos, deixando mais de 19 anos de lucro para a família, valor equivalente a mais de R$ 52 mil.

Quais outros motivos que fazem a energia solar compensar em 2022?

Valorização do imóvel

Além do payback e do lucro com a alta da energia hidrelétrica, outro motivo para investir na energia solar em 2022 é a valorização do imóvel. A estimativa é que o sistema fotovoltaico valorize em até 30% os imóveis e empresas, já que é visto como um benefício para o proprietário.

Essa valorização é vantajosa especialmente para as empresas, já que demandam o uso constante de energia devido aos maquinários, que muitas vezes não podem ser desconectados da energia elétrica e fazem com que a conta de luz venha alta no final do mês.

Leia também Conta de Luz Alta – Conheça os 5 Principais Vilões da energia elétrica

Sustentabilidade

Um dos principais motivos que fizeram a busca por energia solar crescer, além da economia que ela pode gerar no final do mês, é a redução da emissão de gases do efeito estufa.

a energia solar é uma forma de diminuir a emissão de gases do efeito estufa
A energia solar é uma forma de diminuir a emissão de gases do efeito estufa

Isso porque a energia solar é considerada uma fonte limpa e renovável que não agride o meio ambiente, além de não possuir resíduos prejudiciais para o meio ambiente.

Mudanças na regras de geração distribuída

Outro ponto que faz com que a energia solar compense em 2022 é a nova regra da lei 14.300, publicada em janeiro de 2022. Nela, constam algumas mudanças que o setor de geração distribuída sofrerá ao longo dos anos, com a inclusão de algumas taxas e diminuição de tributos em alguns casos.

Devido as novas taxas, muitas pessoas começaram a antecipar a busca pelo sistema fotovoltaico ainda este ano, já que a mudança será aplicada apenas em 2045 para quem instalar a energia solar até dezembro de 2022. Ou seja, instalando ainda esse ano, as regras em vigor serão as atuais, sem taxas e com compensação de 1 kWh gasto para 1 kWh injetado na rede.

hoje a compensação de energia funciona de 1 kWh injetado para 1 kWh consumido
Hoje a compensação de energia funciona de 1 kWh injetado para 1 kWh consumido

Agora que você viu como a energia solar compensa em 2022, não deixe de investir em seu sistema ainda este ano. Com a alta na energia solar prevista para 2022 e com as novas regras de geração distribuída, as vantagens e benefícios tendem a ser maiores para quem optar por investir no sistema fotovoltaico em 2022, tendo um lucro maior até o início das taxas em 2045.

Como a Solfácil pode lhe auxiliar

Desde 2018 a Solfácil já levou energia solar para mais de 26 mil projetos solares instalados em residências, empresas e áreas rurais. Ao integrar a solução de financiamento com parceiros estratégicos e know-how para projetos e homologações, criamos um ambiente favorável para implementação da energia solar, seja por parte do consumidor ou por parte do integrador. Quer saber mais? Defina seu interesse:

Posts Similares

Estórias Solares